Utilização de análise de imagem para avaliação da qualidade de sementes de Passiflora cincinnata (maracujá-do-mato)

Palavras-chave: estádio de maturação, morfologia interna, morfologia externa, germinação

Resumo

O objetivo do trabalho foi avaliar a qualidade de sementes de Passiflora cincinnata em função do estádio de desenvolvimento do fruto por meio de teste de raios-X e análise de imagem. Para a realização do teste de raios-X e da análise de imagem, foram utilizadas quatro repetições de 50 sementes para cada estádio de maturação do fruto (verde, “de vez”, maduro e senescente). As sementes submetidas à exposição em raios-X foram classificadas em cheias ou vazias. Para análise de imagem computadorizada, avaliaram-se 15 descritores relacionados à dominância de cores e 7 de geometria. Posteriormente, as sementes foram avaliadas quanto à germinação. Os resultados obtidos indicam diferenças de coloração e de geometria entre os estádios de maturação dos frutos e que não houve diferença estatística entre os estádios no teste de raios-X. As sementes podem ser coletadas de frutos nos estádios maduro e senescente, sem prejuízo à qualidade fisiológica.

Biografia do Autor

Petterson Baptista da Luz, Universidade do Estado de Mato Grosso (UNEMAT)

Doutor em Agronomia (Produção e Tecnologia de Sementes) pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (UNESP). Mestre em Agronomia (Fitotecnia) pela Universidade Federal de Lavras (UFLA). Agrônomo pela UFLA. Professor da Universidade do Estado de Mato Grosso (UNEMAT). Presidente da Sociedade Brasileira de Floricultura e Plantas Ornamentais (SBFPO).

Beatriz Fernanda Silva Lima, Universidade do Estado de Mato Grosso (UNEMAT)

Mestranda no Programa de Genética e Melhoramento de Plantas na Universidade do Estado de Mato Grosso (UNEMAT). Agrônoma pela UNEMAT.

Severino de Paiva Sobrinho, Universidade do Estado de Mato Grosso (UNEMAT)

Doutor em Agricultura Tropical pela Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT). Mestre em Produção Vegetal (Produção de Sementes) pela Universidade Federal da Paraíba (UFPB). Graduado em Agronomia pela Universidade Federal Rural do Semi-Árido (UFERSA). Professor da Universidade do Estado de Mato Grosso (UNEMAT).

Andréa dos Santos Oliveira, Universidade do Estado de Mato Grosso (UNEMAT)

Doutora em Agronomia/Fitotecnia pela Universidade Federal de Lavras (UFLA). Mestre em Agronomia/Fitotecnia pela UFLA. Graduação em Engenharia Agronômica pela Universidade Federal de Sergipe (UFS). Professora da Universidade do Estado de Mato Grosso (UNEMAT).

Referências

ABREU, L. A. S.; ANDRADE, D. B.; MARQUES, E. R.; ASSIS, J. G. R.; LOPES, C. A.; CARVALHO, M. L. M. Computerized analysis in the physiological quality of coffee seeds. International Journal of Current Research, [s.l.], v. 8, p. 40820-23, 2016. Acesso em: 15 nov. 2019.

ANDRADE, D. B.; OLIVEIRA, A. S.; PINTO, C. A. G.; PIRES, R. M. O.; OLIVEIRA, A. S.; SILVA, M. A.; CARVALHO, M. L. M. Detection of green seeds in soybean lots by the Seed Analysis System (SAS). International Journal of Current Research, [s.l.], v. 8, p. 26462-65, 2016. Acesso em: 15 nov. 2019.

BRASIL. Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento. Regras para análise de sementes. Brasília: Coordenação de Laboratório Vegetal, Departamento de Defesa Vegetal, 2009. 399 p.

CORRÊA, P. C.; SILVA, J. S. Estrutura, composição e propriedade dos grãos. In: SILVA, J. S. Secagem e armazenagem de produtos agrícolas. Viçosa: [s.n.], 2000. p. 21-37.

CRUZ, C. D.; REGAZZI, A. J.; CARNEIRO, P. C. S. Modelos biométricos aplicados ao melhoramento genético. 3. ed. Viçosa: UFV, 2004. 480 p.

DESAI, B. B.; KOTECHA, P. M.; SALUNKHE, D. K. Seeds handbook Biology, production, processing and storage, 1997. V. 1, 627.

FORTI, V. A.; CICERO, S. M.; PINTO, T. L. F. Análise de imagens na avaliação de danos mecânicos e causados por percevejos em sementes de feijão. Revista Brasileira de Sementes, [s.l.], v. 30, p.121-30, 2008. DOI: https://doi.org/10.1590/S0101-31222008000100016

GARCIA, L. C.; MORAES, R. P.; LIMA, R. M. B. Determinação do grau crítico de umidade em sementes de Cenostigma tocantinum Ducke. Revista Brasileira de Sementes, [s.l.], v. 30, p. 172-6, 2008. DOI: https://doi.org/10.1590/S0101-31222008000300023

HADDAS, A. Water uptake and germination of leguminous seeds under changing external water potential in osmotic solution. Journal of Experimental Botany, [s.l.], v. 52, p. 480-9, 1976. DOI: https://doi.org/10.1093/jxb/27.3.480

LABOURIAU, L. G.; VALADARES, M.E.B. On the germination of seeds of Calotropis procera (Ait.) Ait. f. Anais da Academia Brasileira de Ciências, Rio de Janeiro, v. 48, p. 263-84, 1976.

LOPES, I. S.; NOBREGA, A. M. F.; MATOS, V. P. Maturação e colheita da semente de Amburana cearensis (Allem.) A. C. Smith. Ciência Florestal, [s.l.], v. 24, n. 3, p. 565-72, 2014. Disponível em: https://www.scielo.br/j/cflo/a/jNGNRQ97G47YDJ6W7pjXYPM/?lang=pt&format=pdf. Acesso em: 18 jan. 2020.

MAGUIRE, J. D. Speed of germination – aid in selection and evaluation for seedling emergence and vigor. Crop Science, [s.l.], v. 2, p. 176-7, 1962. DOI: https://doi.org/10.2135/cropsci1962.0011183X000200020033x

MARQUES, F. R. F.; MEIADO, M. V.; CASTRO, N. M. C. R.; CAMPOS, M. L. O.; MENDES, K. R.; SANTOS, O. O.; POMPELLI, M. F. GerminaQuant: a new tool for germination measurements. Journal of Seed Science, [s.l.], v. 37, p. 248-55, 2015. DOI: https://doi.org/10.1590/2317-1545v37n3145605

NEVES, S. M. A. S.; NUNES, M. C. M.; NEVES, R. J. Caracterização das condições climáticas de Cáceres/ MT – Brasil, no período de 1971 a 2009: subsídios às atividades agropecuárias e turísticas municipais. Boletim Goiano de Geográfia, [s.l.], v. 31, p. 55-68, 2011. DOI: https://doi.org/10.5216/bgg.v31i216845

PRIMACK, R. B. Variation in the phenology of natural populations of montane shrubs in New Zealand. Journal of Ecology, v. 68, n. 3, p. 849-62, 1980. DOI: https://doi.org/10.2307/2259460

SANTOS, C. H. B.; CRUZ NETO, A. J.; JUNGHANS, T. G.; JESUS, O. N.; GIRARDI, E. A. Estádio de maturação de frutos e influência de ácido giberélico na emergência e crescimento de Passiflora spp. Revista Ciência Agronomica, [s.l.], v. 47, n. 3, p. 481-90, 2016. DOI: https://doi.org/10.5935/1806-6690.20160058

SEVERIANO, R. L.; PINHEIRO, P. R.; GOMES JUNIOR, F. G.; MEDEIROS, A. D.; PEREIRA, M. D. X-ray test on passion fruit submitted to different aryl removal methods. Comunicata Scientiae, [s.l.], v. 9, p. 356-62, 2018. DOI: https://doi.org/10.14295/cs.v9i3.2706

TBIT TECNOLOGIA S. A. Manual do Usuário SAS – Sistema de Análise de Sementes. 1. ed. Lavras, MG: [s.n.], 2014. 152 p.

VENORA, G.; OSCAR, G.; SHAHIN M.A.; SYMONS, S. Identification of Sicilian landraces and Canadian cultivars of lentil using an image analysis system. Food Research International, [s.l.], v. 40, p. 161-6, 2007.

Publicado
2022-04-04
Como Citar
Luz, P. B. da, Fernanda Silva Lima, B., Sobrinho, S. de P., & Oliveira, A. dos S. (2022). Utilização de análise de imagem para avaliação da qualidade de sementes de Passiflora cincinnata (maracujá-do-mato). Multitemas, 26(64), 123-139. https://doi.org/10.20435/multi.v26i64.3191